13 de nov de 2009

Descobertas

Aos leitores do SemprePlenitude.com, faço, hoje, uma confissão: apaixonei-me perdidamente e, agora, preciso crescer.

Tá, tá... Explico-me.

Ontem vi algo que, definitivamente, me tocou: crianças fazendo arte. Poxa vida! Mais de duas décadas de existência e só ontem eu pude perceber o quanto isso é lindo. E sabem o que mais? Com passo certo ou errado na hora da dança (E estavam certos!), com falas altas ou baixas (E estavam altas!), com cambalhota perfeita o meio torta (E estavam perfeitas!), elas sorriam! A arte parece ter entrado na vida de cada uma delas de uma forma tão bela que era possível, a mim, da quarta fileira da plateia daquele imenso teatro, sentir o quanto era gostoso para cada uma delas aquilo que estavam fazendo.
Bem, mas se tudo o que passei, pensei e senti nessa noite tivesse apenas me impressionado de nada adiantaria. No entanto, aconteceu mais (bem mais) do que isso. O que eu presenciei me motivou e, olhem que belo, me fez ter vontade de transmitir a arte como as crianças transmitem... Ah! Senti mais do que vontade, foi, na verdade, uma necessidade de ser tão sincera quanto elas nesse amor e nessa vontade pelo (e no) que fazem. Contudo, eu, na angústia que me cabe enquanto mero homo sapiens que não se permite ser homo ludens, não sei de que forma fazer isso... é como se o que eu faço fosse ainda tão pouco, tão mixo perto do muito que ainda pode ser. Por isso eu digo: Que vontade de crescer na arte, porque nisso aquelas crianças são grandes!

O contorcionismo das meninas
O hip-hop dos meninos
O teatro de todos

Beijos, plenitudianos!

PS: Amanhã, tentarei ser bem maior em "Chapeuzinho Vermelho". Juro!
Merda, merda, merda!!

Um comentário:

  1. A Cia. De Teatro Atemporal parabeniza e APLAUDE de pé o Grupo Teatral Plenitude pelos belissimos trabalhos e o maravilhoso e formidável Blog!

    Que Deus conserve este grupo sempre forte e lindo!

    Em breve, teremos a honra de conhece-los pessoalmente!

    Estamos abertos para troca de idéias e experiências no mundo teatral!

    Recebam muitos beijos, fortes abraços e o eterno carinho da Cia. De Teatro Atemporal!

    Clemente.

    Diretor da Cia. De Teatro Atemporal.

    Rio de Janeiro, RJ - Brasil.

    ResponderExcluir

Tuas palavras são mundos!

Related Posts with Thumbnails